Notícias

Arrastão de limpeza em Florianópolis (SC)

Por Hugo Malagoli, Coordenador do Núcleo SC do Instituto Sea Shepherd Brasil

No último dia 23 de fevereiro foi realizado, pelo terceiro ano consecutivo, o arrastão de limpeza na praia da Daniela, em Florianópolis (SC).

Equipe de limpeza reunida na praia da Daniela, em Florianópolis. Foto: ISSB/ Núcleo SC

Este ano o evento contou também com a limpeza subaquática, feita pela equipe de mergulhadores do Instituto Sea Shepherd Brasil, parceiros da Mako Sports e com apoio da Hy Brazil Mergulho.

Limpeza subaquática. Foto: ISSB/ Núcleo SC

O trabalho também ocorreu na orla. Voluntários do Instituto Sea Shepherd Brasil, do Centro Comunitário Pontal da Daniela (CCPontal) e Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), que também forneceu o transporte do lixo, fizeram a limpeza do local. Foi um grande evento que mobilizou várias pessoas em defesa do meio ambiente.

Lixo recolhido durante a operação. Foto: ISSB / Núcleo SC

Segundo Hugo Malagoli, Coordenador do Núcleo SC do Instituto Sea Shepherd Brasil, “o lixo se esconde principalmente na vegetação de restinga, o que dificultou a limpeza e provocou arranhões em vários voluntários devido aos galhos e a entrada no mato. A ótima notícia é que no mar não foi encontrado lixo. Isso também se deve ao fato de que a Praia da Daniela, ao contrário de outras praias da região da grande Florianópolis e do Brasil, não é paradouro de lanchas e outras embarcações esportivas”.

Já é notório que onde há a prática de paradouro, é encontrado muito lixo devido aos descartes que muitas pessoas, de alto poder aquisitivo, mas sem consciência ambiental, fazem em alto mar. Há locais onde garrafas de uísque importado, taças, latas de cerveja, e vários outros tipos de lixo são encontrados em grandes quantidades.

 

Back to list

Related Posts