Notícias

Sea Shepherd Austrália dá as boas vindas ao ex-líder verde Bob Brown para o seu Conselho de Administração

Bob Brown com o Steve Irwin. Foto: Sea Shepherd

“A Sea Shepherd Austrália está crescendo e se tornando mais ativa a cada ano. O acesso a maiores recursos torna isso possível. Sempre mantivemos que nós fazemos o que podemos, com o melhor de nossas habilidades, com os recursos disponíveis para nós.

Também sempre acreditei que nós precisamos de um conselho que reflita a diversidade de talentos, habilidades, experiência e imaginação.

A Sea Shepherd Austrália não poderia pensar em um maior trunfo para equipe da Sea Shepherd que o ex-líder verde Bob Brown.

Estamos sinceramente orgulhosos de receber Bob Brown no Conselho de Administração da Sea Shepherd Austrália.”

– Jeff Hansen, diretor da Sea Shepherd Austrália

Biografia – Dr. Bob Brown

O ex-senador Brown tem sido um ativista ao longo da vida. Em dezembro de 1982, enquanto diretor da Wilderness Society, o ex-senador Brown foi um dos 600 presos devido a um bloqueio das obras da barragem no rio Tasmânia Franklin. O ex-senador Brown passou 19 dias na prisão de Risdon e, no dia seguinte ao lançamento de sua candidatura, foi eleito como o primeiro Verde no Parlamento da Tasmânia. Em 1986, ele foi baleado e agredido durante os protestos contra o desmatamento na Creek Tasmânia Farmhouse. Ele foi preso duas vezes, em 1995, por protestar pacificamente para proteger a região selvagem da Tasmânia Tarkine. Em 1990, o ex-senador Brown estabeleceu o Australian Bush Heritage Fund para comprar terras para conservação. Seus livros incluem Lake Pedder, Wild Rivers, Tarkine Trails, The Greens, The Valley of the Giants, Tasmania’s Recherche Bay, Memo for a Saner World and Earth.

Como MP do Estado, o ex-senador Brown introduziu uma ampla gama de iniciativas de membros privados, incluindo a liberdade de informação, a morte com dignidade, redução do salário dos parlamentares, a reforma da lei gay, e a proibição de armas nucleares na Tasmânia. A iniciativa sobre a liberdade de informação tornou-se lei.

O ex-senador Brown foi uma força motriz na formação dos Verdes australianos em 1992. Ele viajou extensivamente, promovendo a política Verde e formando laços estreitos com os Verdes na Europa, Américas, África e Ásia.

Em 1996, o ex-senador Brown foi eleito para o Senado australiano. Em 2010, ele levou os Verdes australianos para sua eleição de maior sucesso – assegurando a primeira cadeira na casa federal para um partido menor em uma eleição geral desde antes da Segunda Guerra Mundial, e um equilíbrio de poder em ambas as casas. Isso resultou em um acordo histórico que está sendo assinado entre os Verdes australianos e o Partido Trabalhista Australiano para formar governo. O acordo levou a uma série de reformas, incluindo o preço do carbono, o investimento significativo de cuidado dental, a legislação para melhorar os direitos dos territórios, um escritório de orçamento do Parlamento, garantiu tempo dos membros privados em ambas as casas, o processo para um referendo sobre reconhecimento indígena na Constituição, o primeiro debate parlamentar sobre o Afeganistão e os investimentos no transporte ferroviário de alta velocidade.

Ele pretende continuar defendendo questões como a democracia global, a proteção de florestas antigas da Tasmânia, o casamento igualitário, e a eutanásia. Em 2012, o ex-senador Brown foi amplamente condenado na mídia após sua Terceira Oração Verde, promovendo a democracia global. Aposentou-se do Senado em meados de junho, mas disse: ‘Eu serei um verde até o dia que eu morrer “.

O ex-senador Brown também é o líder atual da Operação Kimberley Miinimbi, a campanha da Sea Shepherd para proteger o maior berçário de baleia jubarte do mundo, impedindo a estação de gás proposta pela Woodside e o Governo da Austrália Ocidental.

“Tem sido um grande prazer e honra trabalhar ao lado de Bob durante a Operação Kimberley Miinimbi, e não posso pensar em ninguém mais adequado para levar a Sea Shepherd Austrália para o próximo nível na defesa de nossos oceanos e sustentação da vida. Ao longo dos anos, com a nossa equipe sobre as linhas de frente na Antártida, Bob tem sido a nossa voz no parlamento, para a mídia e para o povo da Austrália, representando nossa valente equipe na defesa do Santuário de Baleias do Oceano Antártico contra as operações ilegais da frota baleia japonesa”, disse Hansen.

O fundador e presidente da Sea Shepherd, o Capitão Paul Watson, ecoou a aprovação de Hansen para a a nomeação do ex-senador Brown para o Conselho da Sea Shepherd Austrália:

“Bob Brown tem sido um herói para mim por três décadas, voltando para os dias das campanhas para proteger o rio Franklin. Estou imensamente orgulhoso de ter Bob integrando o Conselho de Administração da Sea Shepherd Austrália. Sua experiência como ativista, ambientalista e político será um trunfo incrível para nós O que eu mais admiro em Bob é que ele é um exemplo vivo das três virtudes que precisamos proteger os nossos oceanos e nosso planeta – paixão, coragem e imaginação. Bem-vindo a bordo, Bob”.

O ex-senador Brown acrescentou: “É uma honra fazer parte do Conselho da Sea Shepherd Austrália, cuja missão, apoiada pela maioria dos australianos, é proteger cerca de 1.000 baleias do abate da frota japonesa neste verão. A Sea Shepherd está fazendo o trabalho que o governo Gillard deve fazer para deter a caça ilegal de Tóquio”.

A Sea Shepherd Austrália oficialmente acolhe o ex-senador Bob Brown ao Conselho de Administração da Sea Shepherd!

Traduzido por Raquel Soldera, voluntária do Instituto Sea Shepherd Brasil

Back to list

Related Posts