Ondas Limpas em Porto Alegre

No dia 21 de dezembro, o núcleo do Rio Grande do Sul da Sea Shepherd Brasil realizou uma ação de limpeza na Praia de Ipanema, zona sul de Porto Alegre, como parte da Operação Ondas Limpas. A ação durou aproximadamente 3 horas e contou com a presença de 8 voluntários, percorrendo um trecho de 150 metros da orla.

Durante a ação, foram retirados 6,7 quilos de resíduos, em sua grande maioria canudos, tampas de garrafas (plásticas e metálicas), abraçadeiras de plástico, pedaços de corda, bitucas de cigarros e diversos outros itens de plástico e papel. Além disso, foi encontrada uma ponta de seringa com agulha descartada incorretamente.

Apesar de ser um trecho pequeno, toda a orla em si é utilizada diariamente pela população para pratica de atividades físicas e lazer, no entanto, é comum aos finais de semana, especialmente aos sábados e domingos no final de tarde, o encontro de pessoas que consomem bebidas alcoólicas e descartam incorretamente estes resíduos no calçadão e na beira da praia, não levando em consideração o apreço por uma área tão bonita da capital.

Por fim, a ação se encerrou com uma roda de conversa sobre a importância de se descartar corretamente o lixo e também o quão são fundamentais estes tipos de ações para conscientizar acerca do consumo, hábitos e do correto descarte e destinação do lixo.

Xavier Rudd no Brasil

O cantor australiano Xavier Rudd é um dos maiores apoiadores da Sea Shepherd no mundo. Além de ser um ativista pelos direitos dos aborígenes australianos e a proteção do meio ambiente, ele é um músico multi-instrumentista muito talentoso.

Várias de suas canções falam sobre temas como a espiritualidade, o ambientalismo e causas indígenas.

Ele já esteve a bordo de diversos navios da Sea Shepherd e é um grande amigo do Capitão Paul Watson.

A Sea Shepherd Brasil teve o privilégio de poder participar de dois shows da turnê da América do sul do Xavier.

No dia 25 de novembro de 2019, o cantor e sua banda se apresentaram no Opera de Arame em Curitiba e dia 27 no Áudio Club em São Paulo.

Xavier Rudd no navio da Sea Shepherd, Steve Irwin, durante a campanha para defender a Grande Barreira de Corais da Austrália.

Musica do Xavier "Spirit Bird" sobre a luta dos povos indigenas da Australia, assista o video e reflita!

Spirit Bird

Give it time and we wonder why

Do what we can, laugh and we cry

And we sleep in your dust

Because we’ve seen this all before

Culture fades with tears and grace

Leaving us stunned, hollow with shame

We have seen this all, seen this all before

Many tribes of a modern kind

Doing brand new work, same spirit by side

Joining hearts and hand

And ancestral twine, ancestral twine

Many tribes of a modern kind

Doing brand new work, same spirit by side

Joining hearts and hand

And ancestral twine, ancestral twine

Slowly it fades

Slowly we fade

Slowly you fade

Slowly we fade

Spirit bird, she creaks and groans

She knows, she has seen this all before, she has

Seen this all before, she has…

Spirit bird, she creaks and groans

She knows, she has seen this all before, she has

Seen this all before, she has…

Slowly you fade

Slowly it fades

Slowly you fade

Slowly you fade

Soldier on, soldier on my good country, man

Keep fighting for your culture, now

Keep fighting for your land

I know it’s been thousands of years

And I feel your hurt

And I know it’s wrong

And you feel you’ve been chained

And broken and burned

And those beautiful old people

Those wise old souls have been ground down

For far too long

By that spineless man, that greedy man,

That heartless man

Deceiving man, by government hand

Taking blood and land, taking blood and land

And still they can

But your dreaming and your warrior spirit lives on

And it is so, so, so strong

In the earth, in the trees, in the rocks

In the water, in your blood and in the air we breath

Soldier on, soldier on my good country, man

Keep fighting for your children, now

Keep fighting for your land

Slowly it fades

Slowly we fade

Slowly you fade

Slowly it fades

Give it time and we wonder why

Do what we can, laugh and we cry

And we sleep in your dust

Because we’ve seen this all before

Pássaro Espírito

Dê um tempo, nós queremos saber porque

o que podemos fazer, rir ou chorar

E nós dormirmos em sua poeira

Porque nós vimos tudo isso antes

desaparece a cultura com lágrimas e graça

Deixando-nos atordoados, ocos e com vergonha

Já vimos isso tudo, visto tudo isso antes

Muitas tribos de um tipo moderno

Fazendo um novo trabalho

mesmo espírito a lado e unindo corações e mãos

em fio ancestral, fio ancestral

Muitas tribos de um tipo moderno

Fazendo um novo trabalho

mesmo espírito a lado e unindo corações e mãos

em fio ancestral, fio ancestral

Lentamente ele desaparecerá

Lentamente desaparecerá

Lentamente você desaparece

Lentamente desaparecerá

um Espírito pássaro, ele range e geme

Ele sabe, ele já viu tudo isso antes, ele já

passou por tudo isso antes, ele tem

um Espírito pássaro, ele range e geme

Ele sabe, ele já viu tudo isso antes, ele já

passou por tudo isso antes, ele tem

Lentamente você desaparece

Lentamente ele desaparecerá

Lentamente você desaparece

Lentamente você desaparece

Soldado, soldado do seu bom país, cara

continue lutando por sua cultura, agora

Continue lutando por sua terra

Eu sei que tem passado milhares de anos

E eu sinto sua dor

E eu sei que é errado

E você sente que você foi acorrentado

Quebrado e queimado

E essas pessoas velhas bonitas

As sábias velhas almas foram castigadas

Por muito tempo

Por que o homem é covarde, o homem é ganancioso

o homem é sem coração

o homem é enganado, pela mão do governo

Tomando o seu sangue e a sua terra

E ainda podem

Mas seu sonho e as suas vidas de um espírito guerreiro

E é tão, tão, tão forte

Na terra, nas árvores, nas rochas

na água, no sangue e no ar que respiramos

Soldado, soldado do seu bom país, cara

continuar a lutar por seus filhos, agora

Continue lutando por sua terra

Lentamente ele desaparecerá

Lentamente desaparecerá

Lentamente você desaparece

Lentamente ele desaparecerá

Dê um tempo, nós queremos saber porque

o que podemos fazer, rir ou chorar

E nós dormirmos em sua poeira

Porque nós vimos tudo isso antes

Operação OndasLimpas no Paraná

Em mais uma ação da Operação #OndasLimpas, no último sábado (09/11) foi realizada uma limpeza na Praia de Leste, que fica em Pontal do Paraná. Essa limpeza foi feita pela parceria entre o núcleo Curitiba da Sea Shepherd Brasil e o Colégio Marista Santa Maria. Na limpeza estavam presentes vários(as) alunos(as), pais e mães, funcionárias e professoras do colégio, além de 6 voluntários da Sea Shepherd.

Apesar de não estar um dia muito bom, com chuva durante boa parte da limpeza, todos estavam muito animados e empolgados para retirar o lixo da praia, principalmente as crianças.

Com uma ação que durou cerca de três horas, foi possível retirar 90 Kg de lixo, sendo a maior parte dele composta por plásticos dos mais variados tipos como copinhos, sacolas, embalagens de alimentos, garrafas PET, canudos, hastes de pirulito e cotonete, tampinhas, brinquedos de criança e petrechos de pesca. Além disso, também foram encontradas latinhas de cerveja, roupas, calçados, pedaços de isopor, isqueiros, velas, garrafas de vidro, lâmpadas, um pedaço de uma embarcação, um edredom, guarda-chuva, guarda-sol e até um celular.

Também chamou a nossa atenção alguns itens de outros países que foram encontrados na areia, os quais são normalmente descartados por navios estrangeiros na costa Brasileira e acabam chegando até a praia pela maré.

Essa parceria com o Colégio Marista Santa Maria foi muito boa, pois além do trabalho de educação ambiental que já vem sendo feito com as crianças no colégio, elas puderam colocar em prática aquilo que foi visto em sala de aula e na palestra que fizemos lá no dia 05/11.

Nós da Sea Shepherd estamos sempre abertos para novas parcerias com colégios, escolas, faculdades e universidades, para a realização de ações de educação ambiental. Se você tiver interesse que a gente faça alguma atividade na sua instituição, por favor entre em contato pelo e-mail: info@seashepherd.org.br

Doe para ajudar nas Ações de Educação Ambiental

Doe para ajudar na Operação Ondas Limpas

#OpOndasLimpas #LixoZero #EducaçãoAmbiental

Sea Shepherd promove Educacao Ambiental em Curitiba

Preservando a intenção de valorizar o protagonismo infantil, o Colégio Marista Santa Maria (Curitiba – PR) possibilita desde a Educação Infantil que as crianças teçam as suas próprias histórias. Desta maneira, este ano o projeto de investigação da Turma do Formigueiro composta por 23 crianças de 5 e 6 anos buscou responder à pergunta: Como fazemos para que o lixo que produzimos não chegue até as baleias?

Para ajudar a responder essa pergunta, nós da Sea Shepherd Brasil fomos convidados a dar uma palestra para as crianças e com a presença dos pais também. Falamos sobre as baleias e como é importante cuidarmos do lixo para que ele não chegue até o mar e cause problemas a estes e outros animais marinhos.

Foi uma tarde muita boa, com trocas de informações e muita interação por parte das crianças que fizeram várias perguntas e participaram bastante. Inclusive, ao final da palestra fomos convidados por elas para conhecermos a sala de aula delas.
Complementando a palestra e para colocar em prática o que elas viram em sala de aula, no sábado (09/11) iremos fazer uma limpeza de praia em Pontal do Paraná, na Praia de Leste. Essa atividade tem o intuito de mostrar para elas como é importante deixar a praia limpa, para que os animais não sofram com o lixo, que é responsável por causar a morte de muitos animais no mundo todo.

Doe para ajudar nas Ações de Educação Ambiental

Doe para ajudar na Operação Ondas Limpas

#OpOndasLimpas #LixoZero #EducaçãoAmbiental

Peixe morto em petróleo

Atuação da Sea Shepherd no Derramamento de Petróleo no Nordeste

A costa nordeste do Brasil está sendo atingida por um desastre ambiental sem precedentes. Como a fonte do derramamento não foi definitivamente identificada, não se sabe quanto mais petróleo ainda alcançará a costa. Até agora, mais de 2000 toneladas de petróleo foram coletadas das praias por voluntários e autoridades. E o petróleo cru continua chegando, tanto em áreas previamente afetadas, quanto em novas áreas.

Até agora, existem 268 praias afetadas pela contaminação por petróleo em nove estados diferentes; e além disso, recentemente também o Arquipélago de Abrolhos, a área com maior biodiversidade marinha de todo o Oceano Atlântico Sul, foi atingido pelos resíduos de petróleo cru, altamente tóxicos.

Mais de 2.355 quilômetros de costa se encontram afetados, 1.200 dos quais são manguezais ou recifes de coral, que são santuários de fauna marinha extremamente vulneráveis.

Há dois meses, os voluntários estão limpando o petróleo cru das praias afetadas e resgatando animais que estão sendo engolidos pelo petróleo.  Essa atividade incorre riscos à saúde das pessoas comprometidas em proteger nossos oceanos.

As autoridades brasileiras têm sido extremamente lentas para responder à tragédia. Se não fosse por voluntários dedicados, muitas vidas marinhas seriam comprometidas.

Apoio ao Desastre de Derramamento de Petróleo no Nordeste.

 

A Sea Shepherd Brasil está engajada no apoio aos voluntários que estão limpando as praias do nordeste brasileiro.

A Sea Shepherd já enviou doações em dinheiro para compra de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) para algumas organizações e civis que trabalham para a retirada das manchas de óleo no Nordeste.

A Sea Shepherd continua recebendo doações para assistir os voluntários das limpezas do petróleo no Nordeste.

Doe para ajudar nas limpezas, resgate de fauna e comunidades que necessitam de assistência.

Por que a Sea Shepherd não está presente no desastre?

A Sea Shepherd Brasil, apesar de fundada em 1999, esteve sem atividades e diretoria constituída no Brasil nos últimos anos. A organização estava inativa no Brasil desde 2017.  A Sea Shepherd Brasil retomou atividades recentemente e ainda não possui núcleos em nenhum estado do nordeste.  Estamos aceitando voluntários! Se você gostaria de se voluntariar, preencha a inscrição aqui

A Sea Shepherd não é uma organização governamental: a Sea Shepherd funciona estritamente com doações de pessoas, seja de tempo (voluntariado) ou de dinheiro para poder realizar ações.

Sem nenhum voluntário presente no Nordeste, a Sea Shepherd Brasil optou pela estratégia de arrecadar fundos para poder auxiliar os voluntários que já estão presentes nos locais atuando diretamente no desastre.

O que a Sea Shepherd está fazendo para ajudar no desastre de derrame de petróleo no Nordeste?

A Sea Shepherd Brasil fez parceria com algumas organizações e civis residentes no Nordeste para poder auxiliar no desastre.

A Sea Shepherd arrecadou e continua arrecado fundos para apoiar os líderes que organizam limpezas de praias afetadas pelo derramamento.

A Sea Shepherd já apoiou com fundos para as descritas atividades:

Recife sem Lixo – projeto de voluntários que está atuando diariamente para coordenar voluntários e limpar a praias afetadas no estado de Pernambuco e distribuir EPIs para os voluntários.

Salve Maracaípe – Projeto que distribui EPIs e alimentos para voluntários e presta treinamento para os voluntários trabalhando nas praias afetadas em Pernambuco e futuramente na Bahia.

Indra Soares – Civil de Salvador, Bahia, que organiza mutirões de limpeza com a prefeitura de Salvador e distribui EPIs em seus mutirões.

Por que vocês não foram lá ao invés de mandar fundos?

A Sea Shepherd Brasil tomou a decisão de não gastar fundos com voos, hotéis, etc, porque estamos em contato com as pessoas descritas acima e algumas outras que estão no local.  A necessidade, especialmente no princípio da tragédia e da mobilização, tem sido de equipamentos e não de pessoas.  A Sea Shepherd é uma organização comprometida com a aplicação de seus fundos para ação direta.  A organização funciona com intuito de aplicar recursos em ações diretas com resultados desde sua fundação.

Como a organização dispõe de poucos fundos, pois retomamos atividades há apenas poucos meses, a Diretoria decidiu ser mais valioso ajudar os voluntários já presentes no local ao invés de gastar fundos com hotéis e passagens.  Se uma pessoa da Sea Shepherd Brasil voasse para o local e consumisse recursos com hotel e alimentação por alguns dias, esse fundo poderia comprar diversos EPIs e alimento para os voluntários que já estão no local e que permanecerão lá, pois são residentes das localidades.  Esses voluntários estão recebendo treinamento e os devidos equipamentos de proteção.

Essa foi a estratégia tomada, em respeito as doações que estão sendo feitas e em respeito a missão da Sea Shepherd de usar nossos recursos para ação direta.

Agora, além de ajudar na despoluição das praias, a Sea Shepherd tem planos de começar a auxiliar algumas instituições e projetos comprometidos em salvamento de fauna.

A Sea Shepherd Brasil ainda tem planos de ajudar algumas comunidades pesqueiras afetadas pelo desastre, que não têm fundos para manterem suas famílias devido a essa tragédia.

Sua doação contribui para todos esses projetos.

Eu quero ajudar, mas não sou do Nordeste. O que faço?

Você pode juntar-se a nós. Mesmo que você não faça parte da Sea Shepherd você também pode doar ou organizar arrecadações na sua cidade.

Você pode organizar eventos de arrecadações:  Jantares (se for no nome da Sea Shepherd, os jantares têm que ser veganos), festas, shows de bandas, ou até uma caixinha na sua escola ou trabalho.  Os fundos direcionados à Sea Shepherd serão repassados integralmente para a causa.

ATENÇÃO: Se você for recolher materiais (ex: EPIs), tenha a certeza que você tem condições de organizar a logística para mandá-los — tanto dinheiro para o frete, como a pessoa para ir ao correio fazer o trâmite.  A Sea Shepherd não se responsabiliza por enviar matérias arrecadadas e é por isso que pedimos doações em dinheiro, pois a logística é mais viável. Alguns materiais podem custar mais caro mandar pelo correio do que comprar no local.

Se você trabalha ou conhece uma empresa que está disposta a fazer uma doação grande de materiais, por cujo frete eles se responsabilizarão, poderemos coordenar isso facilmente. Escreva para seashepherd@seashepherd.org.br

Eu fiz o curso de derramamento de petróleo, como posso ajudar?

Você pode se deslocar até as praias e oferecer seu voluntariado em qualquer das localidades afetadas. Existem limpezas diárias em diversas localidades do Nordeste.

Porque a Sea Shepherd Internacional não manda um navio para o Brasil?

Tanto as Sea Shepherds Internacionais, como a Sea Shepherd Brasil operam da mesma maneira, com doações e voluntários.  Como você, que provavelmente está doando para que a Sea Shepherd Brasil aplique seus fundos para ajudar o desastre do nordeste, outros doadores doam para determinada causa ou campanha. A Sea Shepherd como uma organização sem fins lucrativos tem que aplicar as doações para os fins pelos quais seus doadores querem que sejam aplicados.

Os navios têm programações definidas, com doações estipuladas para tais programações. Adoraríamos poder resolver todos problemas dos oceanos, mas para tal, precisamos de doações e voluntários.

Mandar um navio para o Brasil custaria muito dinheiro, e não seria efetivo para esse desastre. A marinha do Brasil deve atuar nessa frente, e está atuando no momento.

As Sea Shepherds internacionais estão ajudando a Sea Shepherd Brasil a arrecadar doações e a maior parte dos fundos arrecadados e já distribuídos vierem de fora do Brasil.

Doe para ajudar nas limpezas, resgate de fauna e comunidades que necessitam de assistência.

Eu não quero doar para a Sea Shepherd, mas quero ajudar, como faço?