Notícias

Governo Canadense ordena a venda do navio da Sea Shepherd

Sem serem prestadas queixas, sem julgamento, audiência, intimação, foi ordenada pelo governo do Canadá a venda do nosso navio Farley Mowat .

“Se eu estou chocado ou surpreso?” diz Capitão Watson. “Na verdade, não. Eu estou acostumado com isso no Canadá. Meu país oferece liberdade de expressão até que você se expresse, e liberdade de propriedade privada até que o governo tome a propriedade de você. Nada que o Canadá, país cujo vermelho da bandeira representa a matança de milhões de focas, faça, me surpreende mais.

O fato é que eles roubaram nosso navio sem prestar queixas e agora eles anunciaram a venda de nossa propriedade sem nosso consentimento.”

O governo canadense apreendeu o navio em águas internacionais em abril de 2008 e prendeu o Capitão Alex Cornelissen da Holanda e o 1º Oficial Peter Hammarstedt da Suécia pelo “crime” de testemunhar e documentar o assassinato de uma foca sob as Regulamentações Canadenses de Proteção às Focas.

O Farley Mowat está sob custódia há mais de um ano apesar de nunca ter havido prestação de queixas contra o navio ou seus donos – A Sea Shepherd.

“O governo canadense, além de não ter respeito pelas centenas de milhares de vidas de focas, parecem não ter respeito pela propriedade privada e pelos trâmites legais.” Diz Capitão Watson.

A Sea Shepherd exigiu que o Farley Mowat retornasse nas mesmas condições que foi recebido. Eles recusaram-se e decidiram por vender o navio sem nem ao menos notificar o proprietário – a Sea Shepherd – que o navio seria apreendido.

“Eu não pretendo reconhecer a validade de nenhuma venda ordenada pelo governo canadense“ diz Capitão Watson. “Quem comprar o navio deve ter conhecimento que nós possuímos o seu registro e a nota oficial de venda e nós tomaremos de volta o que é nosso na primeira oportunidade. Você não rouba o navio de um pirata sem conseqüências.”

Qualquer comprador em potencial deve saber ainda, que o navio tem mais de 250 mil dólares de indenizações acumuladas. A Sea Shepherd irá notificar aos credores que fiquem alerta a qualquer um que clame ser proprietário de nossa propriedade.

O comprador deve estar ciente de que dívidas de navios com a lei marítima permanecem com o navio independentemente da mudança de dono.

O governo canadense está aceitando ofertas ao nosso navio até o dia 12 de abril.

Mensagem de Capitão Watson para qualquer comprador em potencial do Farley Mowat: “Você não estará comprando um navio, você estará adquirindo uma dívida que vale mais que o preço do navio e você estará comprando, algo que não será sua propriedade – nunca!.”

Back to list