Notícias

Promessas quebradas levam a barcos quebrados

Declaração do Capitão Paul Watson

Ady Gil da Sea Shepherd afundou dia 8 de janeiro.

Ady Gil da Sea Shepherd afundou dia 8 de janeiro.

A Sea Shepherd Conservation Society não é irracional nem irresponsável como diz o governo japonês, o Ministro de Assuntos Estrangeiros neozelandês e alguns representantes da mídia australiana. Nos últimos cinco anos nós realizamos oposição física em alto mar à operações baleeiras ilegais do Japão sem ferir uma única pessoa, sem sermos acusados de qualquer crime, sem sermos responsáveis por qualquer violação marítima.

Nós estamos nessas águas por duas razões. Caçadores de baleias japoneses estão operando ilegalmente, matando baleias ameaçadas e protegidas que estão em um santuário internacional, violando uma moratória global de caça comercial de baleias, violando o Tratado da Antártida e desprezando uma ordem da Corte Federal Australiana.

E a segunda razão pela qual aqui estamos é porque a Austrália não está aqui fazendo o trabalho que eles prometeram que fariam.

Se o governo australiano quer que desistamos de nossas operações a solução é simples – eles devem fazer aquilo que eles disseram que fariam antes de serem eleitos.

Se a Austrália iniciar uma batalha jurídica internacional contra os baleeiros japoneses e garantir com sucesso uma liminar que os impeça de matar qualquer baleia enquanto aguarda-se o fim do julgamento, a Sea Shepherd Conservation Society respeitará esta iniciativa e retirar-se-á da área para dar ao governo australiano a oportunidade de acabar com esta matança ilegal de baleias no Santuário de Baleias do Oceano Antártico.

A Sea Shepherd tem salvo a vida de baleias e tem custado à indústria baleeira japonesa uma grande quantidade de dinheiro. Se a Sea Shepherd Conservation Society se retirar da área os baleeiros irão atingir seus objetivos de cotas e novamente obterão lucro através de suas atividades ilegais.

A Sea Shepherd tem atingido resultados reais sem violar a lei e sem ferir ninguém.

Já os baleeiros japoneses violam inúmeras leis internacionais de conservação e têm sido excepcionalmente violentos nesta temporada indo tão longe a ponto de destruir deliberadamente o navio Ady Gil da Sea Shepherd.

Nós não gostamos de estar aqui; nós não gostamos de sacrificar nosso feriado de Natal e estar separados de nossas famílias. Nós somos voluntários e não recebemos benefícios financeiros em troca de arriscar nossas vidas, saúde e liberdade.

Mas que escolha nós temos? Nós não podemos ficar parados assistindo estas baleias sendo mortas impunemente por caçadores enquanto os governos do mundo não fazem nada. Nós não podemos nos retirar desta batalha sabendo que baleias irão morrer e que as leis continuarão sendo quebradas se fizermos isso, ao menos temos esperança que esta situação será devidamente abordada por um governo disposto a enfrentar a perseguição arrogante do Japão.

Se Kevin Rudd e Peter Garrett realmente desejam que retiremos nossa oposição contra os baleeiros japoneses, eles devem intervir e assumir o comando e simplesmente fazer o que eles prometeram antes de serem eleitos.

A Sea Shepherd está aqui porque aquela promessa foi quebrada

Back to list