Notícias

Parceria entre Sea Shepherd e cosméticos LUSH conscientiza contra caça às focas

A empresa de cosméticos naturais LUSH e a Sea Shepherd Conservation Society lançaram no mercado norte-americano uma campanha contra a polêmica matança de focas no Canadá. A LUSH criou uma barra de sabonete em formato de bebê-foca, que recebeu o sugestivo nome de ‘O Primeiro Nado’ – porque elas são mortas antes mesmo de terem uma oportunidade de entrar na água. Toda a renda obtida com a venda do sabonete vai para a Sea Shepherd, a fim de apoiar seus esforços de intervenção em alto-mar e de proteção às focas bebê.

Nas vitrines das lojas da LUSH na América no Norte está um quadro gigante com uma uma foca-bebê e os dizeres ‘Ponha um fim à licença canadense para matar’, com tinta vermelha respingada. Os atendentes informam os clientes sobre a situação das focas e pedem que se pressione o governo assinando cartões postais, que serão postados pela LUSH diretamente ao primeiro-ministro do Canadá, Stephen Harper.

A matança anual de focas continua sendo uma vergonha nacional do Canadá e tem sido combatida pelo capitão Paul Watson e a Sea Shepherd durante mais de trinta anos. Um movimento global contra esta prática está alcançando um ponto importante, e o Canadá está ficando isolado rapidamente. Estados Unidos, Bélgica e Holanda proibiram a importação de produtos de focas canadenses, e em abril a União Européia deverá aprovar uma legislação semelhante. Recentemente, a Rússia decidiu proibir sua caça no Mar Branco.

Como uma empresa canadense que se preocupa com animais e o meio ambiente, estamos envergonhados que o sangue continua esvaindo no gelo do Canadá. Dar pauladas e atirar em focas para o uso de sua pele é simplesmente cruel, e a LUSH quer ver o fim disto, explica Mark Wolverton, presidente da LUSH America do Norte.

No dia 18 de março de 2009, em Toronto, Ontário, a funcionária Kristi K., vestida somente de lingerie e pintada com tinta vermelha imitando sangue, deitou em cima de uma bandeira canadense durante uma hora, na frente da loja em Queens Street, simbolizando a morte de milhares de focas que serão mortas este ano. Voluntários da Sea Shepherd estiveram presentes para conversar com o público e atender a mídia. Outros funcionários da LUSH vestiram-se de pirata, em apoio à Sea Shepherd.

No dia 19 de março, Paul Watson deu uma palestra na loja da LUSH de Georgetown, em Washington, DC, onde funcionários também se vestiram de pirata. Watson agradeceu a LUSH pelos esforços de trazer o assunto a público. Tenho testemunhado a morte das focas em primeira instância, e dedicado a maior parte da minha vida em busca do fim desta crueldade e a consciência pública. Me sinto esperançoso de que a campanha da LUSH ajudará os esforços de pôr um final nesta prática selvagem, de uma vez por todas, declarou o capitão.

Desde 26 de março, outras lojas da rede LUSH estão promovendo eventos. A LUSH decidiu apoiar a Sea Shepherd contra a caça as focas porque reconhece a crueldade dessas mortes desnecessárias, e escolheu a entidade como sua destinação de caridade principal. Com mais de 600 lojas no mundo, a LUSH está decidida a provocar mudanças reais aos animais, às pessoas e ao planeta.

Back to list

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.