II Festival Sea Shepherd de Rock em prol dos oceanos

Florianópolis foi o palco do II Festival Sea Shepherd de Rock do Brasil, no dia 22 de novembro, e contou com a participação de oito bandas, de Florianópolis/SC e Porto Alegre/RS. Este evento que está se tornando uma tradição no cenário musical da cidade, teve como objetivo arrecadar fundos para ações da ONG no Brasil, além de promover divulgação da ONG e conscientização ambiental, uma integração com as bandas de rock locais e proporcionar um espaço para que elas possam se apresentar.

Galera. Foto: Núcleo SC

Portaria. Foto: Núcleo SC

O local escolhido foi novamente um sítio na Costa de Dentro, a 30km ao sul do centro de Florianópolis/SC. Os shows começaram pontualmente às 15:30h e se sucederam  nas horas cheias até a meia noite, cada banda dispondo de uma média de 45 minutos de show. A banda que inaugurou o festival foi a The Teachers (formada por professores do ensino médio). Na sequência a banda Ozintrusos apresentou principalmente clássicos do Creedence Clearwater Revival. Foi dado então um intervalo para exibição de vídeos da Sea Shepherd e retorno das bandas as 19:00h, com a Sylvester Stallone, que tocou clássicos do Black Sabbath, Deep Purple e Pink Floyd. As 20:00h Foi a vez da Liztfire que tocou um fantástico Rock autoral fadado ao sucesso. Na sequência, as 21:00h, a banda TONE veio de Porto Alegre e fez uma homenagem (com o vocalista da John Bosco da Liztfire) à banda The Who, tocando o clássico álbum Quadrophenia. As 22:00h, horário nobre, a gurizada do Del Gados, trio de punk rock autoral de Floripa mostrou a que veio, fazendo um som sensacional e agitando mais ainda a galera. As 23:00h foi a vez dos Cafonas, banda rockabilly, baby! Encerrando o Festival teve a maravilhosa Farra do Bowie, que tocou um Glen Rock com muito baton e maquiagem. David Bowie nunca esteve tão bem representado.

Vídeos Sea Shepherd. Foto: Núcleo SC

Estúdio de Tattoo. Foto: Núcleo SC

Para fechar a noite, Paralelamente aos shows, voluntários da ONG cuidavam da limpeza, segurança e organização do evento, além de expor produtos da Sea Shepherd. No Bar foi vendido além de bebidas diversas, alimentos veganos, que fez um grande sucesso entre os presentes. Também foi montado um estúdio de tatuagem, onde o tatuador-voluntário Arnon Côrte Real (Sailor Monster Tattoo), ofereceu seus serviços em prol da causa e também uma pintura de tela (que foi doada à ONG) feita pelos jovens artistas Ique Machado, Diogo e Duka

Com o sucesso da segunda edição a terceira já está programada para 2015, na mesma época do ano, mas não foi definida ainda nada sobre datas ou bandas. Melhor é aguardar por novidades no site da Sea Shepherd Brasil e na sua Fan Page do Facebook.

Tela. Foto: Núcleo SC

Banda Sylvester Stallone . Foto: Núcleo SC

Casa. Foto: Núcleo SC

Agradecimento especial aos voluntários que trabalharam no festival, Gabriela Oms, Igor Ramos, Raphael Augustus, Janice de Souza, Ellen Martini, Diego Abich, Francine Maciel, Arnon Côrte Real, Flavia Rodriguez, Nayara Franz, Camila Argenta, Rodrigo Marques (Nucleo RS), Gabi Stoffel, Dimitri Viana, Alexandre Pessôa, Mara Lott (Embaixada de Ilha Bela/SP) e a presença ilustre do Diretor Geral Voluntário da Sea Shepherd Brasil, o Biólogo Wendell Estol que foi essencial na organização da segurança do evento. Muito obrigado a todos, público, voluntários e bandas que apoiaram esta atividade.

Com certeza fizeram a diferença !