Destaque, Notícias

Campanha Mar de Sangue da alerta vermelho para a proteção dos tubarões no ES

Por Thiago Barrack Lavander – Coordenador Regional do Núcleo do Espírito Santo do Instituto Sea Shepherd Brasil

No último Domingo, 20, a Sea Shepherd, ONG ambientalista considerada uma das mais ativistas e radicais da história, esteve presente na capital capixaba, Vitória, através do seu Núcleo oficial no Espírito Santo, apresentando a campanha “Mar de Sangue” – em prol da moratória dos tubarões.

O Instituto Sea Shepherd Brasil (ISSB) é uma ONG que luta pela preservação da vida nos oceanos e para o equilíbrio do ecossistema. Como forma de alertar a população brasileira e convocar o público para a assinatura da petição online contra a matança de tubarões e o finning, foi criada uma ação da campanha “Mar de Sangue” no litoral capixaba.
O Brasil é o décimo maior fornecedor de barbatanas de tubarão para o mercado asiático. Grande parte das 200 toneladas exportadas são ilegais e obtidas utilizando uma prática conhecida como finning. Uma pesca cruel e destrutiva, na qual são removidas as barbatanas do tubarão. O resto do corpo é descartado no oceano, onde acaba morrendo. No Espírito Santo não é diferente. Temos denúncias de embarcações arrendadas por empresários brasileiros e financiadas pela máfia japonesa atuando ilegalmente em nosso litoral, e, principalmente no Norte do Estado.” – relata o Coordenador Regional do Núcleo do Espírito Santo do Instituto Sea Shepherd Brasil, Thiago Barrack Lavander.
“Thiago Barrack ainda ressaltou que vale lembrar que, devemos entender que o tubarão está em seu habitat natural, apenas lutando pela sua sobrevivência e que na maioria dos ataques de tubarões a seres humanos, estes podem ser atribuídos ao animal confundir os seres humanos com a sua presa normal, como focas e pinguins. Tubarões matam acidentalmente cerca de 5 pessoas durante o ano. Homens matam cerca de 150 milhões de tubarões ao ano. Então quem é o verdadeiro monstro? Cavalos, por exemplo, segundo pesquisas matam mais que o tubarão, mas nem por isso queremos exterminar todos os cavalos do mundo.”
A campanha “Mar de Sangue” visa rodar todo o litoral capixaba com ações de conscientização e fiscalização em prol dos tubarões. No próximo Domingo, 27, será a vez da cidade de Vila Velha/ES receber a “Mar de Sangue”.
Para causar um maior impacto entre a população, o Núcleo no Espírito Santo do Instituto Sea Shepherd Brasil criou uma espécie de um grande caixão de madeira, com as barbatanas (nadadeiras) dos tubarões para a fora pintadas de vermelho sangue. Além disso, o grupo contou com cartazes informativos e a entrega de cartões de visitas com o link da petição à favor da moratória dos tubarões no Brasil para ser assinada. Além da Campanha “Mar de Sangue”, os voluntários da organização mais ativista do mundo, também divulgaram uma recente campanha da Organização no Brasil que está chegando ao seu fim com muito êxito, chamada de #MarAdentro.
Nós do Instituto Sea Shepherd Brasil, através do Núcleo do Espírito Santo, não iremos nos calar até que esta e outras barbáries terminem de uma vez por todas.
Em baixo de um forte calor, com os termômetros marcando quase que 30º, os voluntários oficiais do Núcleo do Espírito Santo não se entregaram, e, assim mantiveram-se por mais de 5 horas de campanha trabalhando em prol dos tubarões. Parabéns aos bravos voluntários do Instituto Sea Shepherd Brasil: Marcos Neiva, Fabíola Chiabai, Robson Leite, Cíntia Silva e Julia Lorenzutti.
Agradecimentos e apoio:
João Linhares – Fotógrafo
Léo Merçon
ASSINE A PETIÇÃO ONLINE EM PROL DOS TUBARÕES:
Contato e informações do Núcleo do Espírito Santo do Instituto Sea Shepherd Brasil:
Thiago Barrack Lavander – Coordenador Regional do Núcleo do Espírito Santo do Instituto Sea Shepherd Brasil
Back to list