TRABALHE NA SEA SHEPHERD BRASIL

Vaga de voluntariado: Auxiliar de Cozinha - Expedição Boto da Amazônia

Auxiliar de Cozinha - Expedição Boto da Amazônia

Vaga em campo acompanhando a Expedição Boto da Amazônia

Área: Expedição Boto da Amazônia
Tipo: Voluntário
Data: 4 a 25 de novembro

Será co-responsável pela a alimentação da equipe, controlar o estoque de comida e manter a organização do espaço. Você trabalhará como segundo(a) cozinheiro(a) de Krystal Roberts, uma chef de cozinha experiente nas expedições da Sea Shepherd pelo mundo.

A EXPEDIÇÃO BOTO DA AMAZÔNIA

Os botos da Amazônia estão em grande risco de extinção. A partir de estudos, estima-se que a população destes botos cai pela metade a cada 9 a 10 anos. Dentre outros fatores, a pesca acessória destes animais, e intencional para uso de suas carnes como isca da pesca da piracatinga, ilegal no Brasil, contribuem com este resultado.

A Sea Shepherd está na Amazônia desde 2021 para a implementação de um estudo de longo prazo da população dos botos e tucuxis em parceria com o INPA (Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia), referência no estudo destes cetáceos. Esta campanha tem como objetivos aprofundar o conhecimento da saúde das espécies para promover a sua conservação, disseminar conhecimento a partir de engajamento educacional com comunidades locais, e expandir a conscientização sobre a preservação destas espécies para o Brasil e o mundo.

A pesquisa da Sea Shepherd é inovadora porque é o primeiro estudo de longo prazo ao longo de vários pontos do rio, e não apenas em uma pequena área, tornando possível uma melhor avaliação do verdadeiro estado de conservação dessas espécies. Este é um estudo populacional de no mínimo três anos abrangendo duas expedições por ano cobrindo quatro pontos estratégicos no entorno do rio Solimões em 2 expedições ao ano, resultando em um total de seis expedições, 6.600 km mapeados pelos pesquisadores em 110 dias de observação.

Você fará parte de um time de por volta de 18 voluntários e tripulação a bordo de um barco que percorrerá por 21 dias por volta de 2.500km de rio adentro na Amazônia.  A operação é 100% com alimentação à base de plantas, em uma estrutura bem simples de vivência, tanto para armazenagem de pertences, banho e pouso, e exige voluntários com muita paixão pela causa e vontade de fazer acontecer e abertos à adaptação e resilientes à imprevistos.

 

‘Não aceitamos inscrições de chorões, descontentes, amantes de colchões e fracos.’ 

  • Capitão Paul Watson

RESPONSABILIDADES (PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES)

  • Responsável por planejar e preparar as refeições diárias (café da manhã, almoço e jantar) para os membros da equipe dentro das práticas políticas da organização com a alimentação 100% à base de plantas, sem nada de origem animal;
  • Fazer o controle do estoque de alimentos e realizar compras de mantimentos de alimentação e higiene (que deverá ser feita com a ajuda de outros membros da equipe);
  • Manter a organização do espaço e coordenar sistema de divisão de tarefas entre todos membros da equipe para não haver acúmulo de tarefas de limpeza da cozinha a bordo;
  • Provisionar montagem de um cooler com lanches para equipe em saídas à campo;
  • Pensar adiante os períodos em que não haverá estabelecimento de compras de produto por dias a fio, e alimentos necessários para uma dieta à base de plantas;
  • Pensar em uma dieta nutritiva e balanceada, econômica e que seja um combustível para animar a equipe em dias difíceis de pesquisa de campo, inclusive considerando que haverá participantes não veganos a bordo que podem ter dificuldades na adaptação;
  • Auxiliar nas tarefas do dia a dia e eventuais demandas fora de sua área de atuação.

HABILIDADES/ COMPETÊNCIAS

  • Ser criativo para implementar um cardápio diversificado e nutritivo. Autonomia para desenvolver maneiras diferentes de modo independente, se atentando aos detalhes, à higiene e saúde dos participantes;
  • Garantir o uso total dos alimentos, evitando desperdício;
  • Muita organização e planejamento na área da cozinha e de outros suprimentos, sempre reportando ao chef de cozinha qualquer eventualidade ou necessidade;
  • Compromisso com horários de servir as refeições;
  • Planejar antecipadamente a alimentação para uma refeição autônoma da equipe também quando em folga.

EXPERIÊNCIA DESEJADA

  • Obrigatória: Ter experiência com alimentação à base de plantas/ vegana (de preferência com experiência de servir grandes grupos) e implementação de cardápio criativo e adaptável/ ajustável;
  • Obrigatória: Experiência com controle de estoque de alimentos e planejamento de compras, preferivelmente com costume de adaptação a locais com limite de variedade de opções;
  • Obrigatória: ter inglês avançado a fluente para trabalhar junto à chef de cozinha americana;
  • Desejada: Experiência com trabalho voluntário.

ATRIBUTOS PESSOAIS REQUERIDOS

  • Paixão pela causa da conservação marinha e proteção do oceano, e de contribuir para este objetivo;
  • Resiliência e senso de adaptação para entregar o máximo de soluções a partir do que está disponível a você;
  • Ser compreensivo, paciente e adaptável e com bom humor, para todos os tipos de intempéries que possam acontecer a bordo. É necessário ter jogo de cintura e proatividade para o sucesso da operação e da missão da ONG como um todo;
  • Ajudar a resolver os problemas que surgem, sem reclamar ou jogar contra – este é um projeto nunca antes feito, precisamos de mente de pioneiros e desbravadores;
  • Ter a habilidade de navegar do estratégico ao técnico, da concepção à execução com destreza e sem perder qualidade de trabalho;
  • Empatia com quem tem diferentes visões de mundo e jornadas, se colocando sempre nos lugar do outro para entender de fato suas dores;
  • Ser uma voz inspiradora para a ONG, ajudando a trazer à vida a visão da Sea Shepherd, estimulando ideias, soluções, e insights que mudam o mundo;
  • E, principalmente: com muita sede de mudança e vontade de colocar a mão na massa para contribuir com a preservação do oceano!

Importante: a vaga é para trabalho voluntário

SOBRE A SEA SHEPHERD BRASIL

A Sea Shepherd Brasil é um braço da Sea Shepherd Global, organização sem fins lucrativos para proteger a vida marinha no mundo todo.

A Sea Shepherd foi fundada em 1977 pelo Capitão Paul Watson  para agir de maneira direta no combate a crimes ambientais.

A Sea Shepherd investiga e documenta para proteger os oceanos e a vida marinha do mundo. Usamos ações inovadoras e diretas para expor e confrontar atividades ilegais em santuários marinhos em alto-mar e em águas soberanas de países por meio de acordos de cooperação com agências de aplicação da lei estabelecidas.

Desde os gigantes do mar até as menores criaturas, a missão da Sea Shepherd é proteger todas as espécies marinhas que vivem em nosso oceano. Nossas campanhas têm defendido baleias, golfinhos, focas, tubarões, pingüins, tartarugas, peixes, krill e aves aquáticas da pesca ilegal, pesca insustentável, destruição de habitat e cativeiro explorador.

No Brasil a Sea Shepherd atua em ações diretas em terra, cobrindo uma gama de atividades desde erradicação do lixo marinho em praias, rios e fundo de mar, retirada de redes de pesca e gestão de resíduos com nossa Campanha Ondas Limpas, campanhas de educação ambiental em escolas públicas e privadas do país com a Sea Shepherd Educação e campanha de conscientização pela segurança das baleias e golfinhos na costa brasileira com a campanha Borrifos, dentre outros projetos à vista.

TEM INTERESSE?

Preencha este formulário com seu currículo e carta de interesse até o dia 15/07.

Dúvidas? Entre em contato com info@seashepherd.org.br