Home » Destaque, Notícias

Sea Shepherd Global com Bia Figueiredo faz palestra em Ilhabela sobre a Operação Icefish no combate de redes ilegais

13 janeiro 2017
A ativista brasileira da Sea Shepherd Global - Bia Figueiredo - palestrou para os alunos do Colégio São João Ilhabela, litoral norte de São Paulo, sobre como foi a Operação Icefish 2014/2015 na Antártica.  

“A Operação Icefish foi a primeira campanha da Sea Shepherd a ter como alvo os ilegais, não regulamentados e não oficializados (IUU) pescadores de marlongas nas águas da Antártica. A operação, foi também, a mais longa e mais contínua operação embarcada da Sea Shepherd até hoje.” Retirado do site: http://seashepherd.org.br/a-sea-shepherd-concluiu-a-epica-campanha-no-oceano-antartico-operacao-icefish/

 

Bia pôde demonstrar por meio de vídeos e fotos os impactos e as consequências da pesca ilegal e predatória de Marlongas (Merluza Negra) na Antártica e região da Patagônia. Além de contar como foi sua experiência em fazer parte como tripulante e voluntária na operação Icefish 2014/2015 que teve grande repercussão no mundo. Tal operação contou com o apoio das autoridades internacionais competentes numa perseguição que durou 110 dias.

Tripulação da Operação Icefish 2014/2015 na Antártica

Bia Figueiredo enrolando as cordas - foto Josh Giacomo

: Josh na engrenagem retirando rede do mar. foto: Jeff Wirth

Toothfish ou Merluza Negra enredada - foto Jeff Wirth

Capitão Siddharth Chakravarty e Peter Peter Hammarstedt no navio Sam Simon – foto Jeff Wirth

Toda rede ilegal retirada do mar foi reutilizada para fabricação de tênis da AdidasxParley

Assista ao vídeo adidas x Parley: From Sea to Shoe

Imagem de Amostra do You Tube

 

Ao todo a Sea Shepherd, na Campanha Icefish 2014/2015, retirou do mar 72 quilômetros de redes ilegais de pesca, que eram usadas por navios pirata para a pesca da Merluza Negra (também conhecida como Marlongas) que vive em águas frias e em grandes profundidades (aproximadamente 2 mil metros de profundidade).

A consequência desastrosa de redes ilegais com essa extensão e profundidade é que elas não capturam somente a Merluza Negra, mas também muitos outros animais marinhos.

Por exemplo na foto abaixo, a Bia resgata das redes ilegais um caranguejo de águas profundas. Essas redes de pesca ilegais resultam em muitas mortes de diversos tipos de animais marinhos, além de contribuir para a ameaça de extinção deles.

Bia Figueiredo, que além da merluza negra outros animais marinhos foram retirados da rede

Em condições adversas na Antártica a equipe da Sea Shepherd vê a beleza dos icebergs e animais marinhos da região.

               

Navios da Sea Shepherd que foram para a Campanha Icefish 2014/2015 em que a Bia Figueiredo estava a bordo.

Após a perseguição nos oceanos o navio pirata Thunder que fazia a pesca ilegal hoje está no fundo do oceano na costa da África

A palestra feita por Bia Figueiredo no Colégio São João, alcançou com sucesso seu objetivo de conscientizar as crianças e adolescentes. Os alunos sentiram-se inspirados a sempre proteger a vida marinha da ação predatória e brutal dos pescadores ilegais.

Bia mostrando vídeos da Operação Icefish 2014/2015

 

Ao final de dois dias de palestras, Bia Figueiredo com Diretor do Colégiob Angelo Cavalheiro e Diretora Regional Sea Shepherd Brasil Mara Lott

     

All Contents Copyright © 2012 Sea Shepherd Conservation Society.

produzido por dEx