Home » Destaque, Notícias

Atobá é resgatado na Praia Vermelha, no Rio de Janeiro.

18 março 2017

No início da noite do dia 15 de março de 2017, o Núcleo Rio de Janeiro do Sea Shepherd Brasil mobilizou-se para o resgate de um atobá-pardo (Sula Leucogaster) na Praia Vermelha, localizada no bairro da Urca, zona sul do Rio de Janeiro.

A ave marinha foi encontrada por banhistas, que informaram que a mesma já se encontrava há cerca de uma semana naquela praia. Disseram que tentaram contato com órgãos governamentais do Estado e do Município, entretanto, nenhum deles se disponibilizou a prestar qualquer tipo de socorro.

Foto: Sea Shepherd Brasil

Os voluntários cariocas prontamente constataram que o atobá encontrava-se muito debilitado e desnutrido, pois deveria estar sem alimentação adequada por vários dias.

Foram realizados os procedimentos de análise primária, onde se constatou que o animal estava com boa musculatura peitoral e não apresentava fraturas ou machucados visíveis. Entretanto, somente com uma análise mais profunda e a realização de exames laboratoriais, seria possível avaliar o real estado do animal.

Foto: Sea Shepherd Brasil

Devido ao horário noturno, não havia qualquer base de reabilitação aberta, para onde o atobá pudesse ser diretamente encaminhado. Deste modo, o IBAMA/RJ foi informado sobre o resgate, tendo sido autorizada a guarda provisória do animal, que foi aquecido e recebeu soro.

Na manhã do dia seguinte, uma equipe da empresa CTA Ambiental realizou a coleta do atobá e o encaminhou para a sua base de estabilização, localizada na Universidade Castelo Branco, na Penha.

Fica a nossa torcida pela sua recuperação.

Nossos agradecimentos aos voluntários Isabella Libardi, Luiz Felipe Mafra, Gisele Pontes e Luiz André Albuquerque, que atuaram neste resgate.

Caso você tenha interesse em tornar-se um voluntário do Núcleo Rio de Janeiro, escreva-nos um e-mail para nucleorj@seashepherd.org.br

All Contents Copyright © 2012 Sea Shepherd Conservation Society.

produzido por dEx